Avaliação Neuropsicológica

A procura ou a indicação de um neuropsicólogo costuma ocorrer quando existe uma queixa cognitiva ou quando há a necessidade em aperfeiçoar o seu funcionamento cognitivo. Estas habilidades estão relacionadas com a nossa capacidade de processar informações e podem estar prejudicadas em diversas condições. Com crianças e adolescentes o principal local onde estas dificuldades costumam aparecer são na escola, em que são comuns as queixas de baixo rendimento escolar, desatenção ou dificuldades na retenção de matérias. As queixas de aprendizagem podem estar relacionadas com prejuízos em diferentes funções cognitivas, tais como: orientação, percepção, atenção, habilidades motoras, linguagem, habilidades visuoespaciais e visuoconstrutivas, memória e aprendizagem, funções executivas (raciocínio, resolução de problemas, abstração, formação de conceitos, organização, planejamento).

A avaliação neuropsicológica é o estudo detalhado das funções cognitivas, emoção e comportamento que ocorre por meio de entrevistas, questionários e testes padronizados. Ela tem por objetivo responder perguntas relacionadas à origem, natureza e dinâmica dos problemas cognitivos que acontecem no dia-a-dia. Por meio da avaliação, identifica-se fragilidades e potencialidades cognitivas e psicológicas, auxiliando na tomada de decisões sobre a necessidade de possíveis intervenções.